VNEWS BA Mostra a Bahia que você não conhece!

“Mercado de Trabalho segue aquecido em Itabuna”, avaliou o presidente da ACI

De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), a cidade de Itabuna tem dado sinais de recuperação dos empregos que foram perdidos em 2020.

A avaliação é que nos sete primeiros meses deste ano (2021) já foram recuperados mais de 60% dos postos de trabalho perdidos em 2020, e os setores da indústria, do comércio, do serviço, da agropecuária e da construção seguem com saldo positivo de empregos.

A expectativa, segundo o presidente da ACI, Mauro Ribeiro, é “a recuperação de 100% dos empregos até o final deste ano, tendo em vista as ações e campanhas de incentivo ao comércio, a chegada de novas empresas e o avanço da vacinação que tem permitido a liberação de setores da economia e redução das restrições”.

Os dados do Caged de janeiro a julho de 2021 registram que Itabuna obteve 6.322 admissões, 5.526 desligamentos e um saldo positivo de 796empregos. Nesse período, o setor do comércio obteve o melhor desempenho, com um saldo de 309, enquanto a indústria somou 272, construção com 129, serviço com 118 e a agropecuária ficou negativo em – 32

O mês de julho foi o melhor mês do ano de 2021 em geração de empregos. Foram registradas 1.063 admissões e 708 desligamentos, gerando um saldo de 355 empregos, com destaque para o setor de serviço, que obteve 175 de saldo, entre admitidos e desligados, seguidos pelos setores do comércio (84), da indústria (60), da construção (37) e agropecuária (- 1).

           2020

Os dados do Caged de janeiro a dezembro de 2020 registraram 7.733 admissões e 9.049 desligamentos, obtendo um saldo negativo de – 1.316. Nesse período, o único setor que teve saldo positivo de empregos foi construção, com 113, enquanto o segmento de serviço foi o que mais sofreu, com um saldo negativo de – 805 empregos, seguidos por indústria (- 300), agropecuária (- 188) e comércio (- 136).


Curta e Compartilhe.

Deixe um Cometário


Leia Também