Menor suspeito de homicídios morre em confronto com a PM

Um menor identificado como Mateus Santos de Jesus, vulgo ‘Bêda’, de 17 anos, morreu em confronto com guarnições do Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO) da 61ª CIPM/Ubaitaba e do 4º Pelotão da Polícia Militar de Ubatã por volta das 4h desta segunda-feira (06), numa localidade conhecida como ‘rua da Bica’, no Bairro Júlio Aderne, em Ubatã. Segundo informações da PM, uma denúncia via telefone funcional apontou que um homem estaria praticando tráfico de entorpecentes em uma residência localizada na Bica, fazendo exposição de arma de fogo. As guarnições se deslocaram até o local e ao chegaram avistaram ‘Bêda’ em frente ao imóvel apontado com um objeto em mão aparentando ser uma arma de fogo. Com a aproximação do efetivo policial, o suspeito adentrou o imóvel ao passo que passou a deflagrar disparos de arma de fogo contra as guarnições. A PM revidou e o suspeito acabou sendo alvejado.
Com a aproximação, as guarnições encontraram próximo a ‘Bêda’ um revólver calibre 38 com 4 cartuchos deflagrados, 1 intacto e 1 ‘picotado’; uma sacola plástica contendo 01 tablete de maconha e 15 papelotes de cocaína. A PM prestou socorro ao suspeito e o encaminhou ao Hospital César Monteiro Pirajá, mas ‘Bêda’ foi a óbito assim que chegou à Unidade Hospitalar. Todo o material apreendido foi apresentado na Delegacia Territorial de Ubatã. ‘Bêda’ tinha passagem pela polícia por porte ilegal de armas e era apontado, segundo a Polícia, como autor de homicídios em Ubatã bem como um dos principais expoentes do tráfico no município