A casa caiu para Gedel Vieira Lima

policia_federal_03   Uma operação da Polícia Federal que apura um esquema de fraudes na liberação de créditos junto à Caixa Econômica Federal, entre os anos de 2011 e 2013, cumpre dois mandados de busca e apreensão em Salvador. Um dos alvos é o ex-ministro Geddel Vieira Lima. Ele foi vice-presidente de Pessoa Jurídica da Caixa no período investigado pela PF.   Na manhã desta sexta-feira (13), uma equipe da Polícia Federal esteve no prédio onde Geddel mora, no bairro do Jardim Apipema, na capital baiana. O condomínio Pedra do Valle fica em uma área nobre de Salvador.

Testemunhas contam que uma viatura da PF chegou ao condomínio por volta das 6h [Horário da Bahia]. Cerca de 3h30 depois, o G1 presenciou a saída de agentes do prédio com uma maleta nas mãos. Eles entraram no veículo policial e saíram com vidros fechados. Ninguém quis gravar entrevista.

Uma pessoa informou à reportagem que não tinha ninguém no apartamento procurado pela PF. Entretanto, os agentes decidiram entrar mesmo assim no imóvel. A Polícia Federal não confirmou os endereços onde são cumpridos os dois mandados de busca e apreensão em Salvador nesta sexta-feira.policia_federal_08_telespolicia_federal_04policia_federal_06_teles